domingo, 7 de março de 2010

Poeta

Meu pai é poeta. O meu poeta preferido.
Eu sempre quis inspirar um poema para ele.
Nessa última viagem ao RJ ele me disse em plena praia do Leblon:

- Gabiroba, minha filha, você é meu carnaval.

Taí. Acho que posso considerar isso um poema.

2 comentários:

  1. E além de poeta, ele tbm é lutador de rua... mais precisamente, subterrâneo.

    ResponderExcluir